INCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

E receba por email novos conteúdos sobre Marketing Digital e Vendas

CRM: Qual é a melhor opção para pequenas empresas?

O CRM é uma ferramenta bastante significativa para as estratégias de venda de uma empresa, utilizando um sistema de captação e retenção de informações para ter maior controle sobre o que pode ser importante ou não em um processo de conquista.

Dessa forma, podemos dizer que esse software representa uma nova voltagem para o trabalho de vendedores e profissionais de atendimento dentro de alguns tipos de negócios.

É o caso de uma gráfica de impressão cartões de visita, que passa a trabalhar com um sistema de criação de leads e une o CRM com essa estratégia para ter acesso a dados importantes, de modo a retê-los na plataforma para que possam basear decisões e ações.

Pode parecer um tanto complicado, mas, na prática, a funcionalidade do CRM mostra como é possível ter o máximo controle em meio às negociações de venda de um negócio.

Abaixo, vamos apresentar mais sobre o que é de fato o CRM, ressaltando suas grandes vantagens, de que modo é possível escolher a melhor versão de sistema para o caso de pequenas empresas, como para uma loja de copos acrílico personalizado. Acompanhe!

 

Afinal, o que é CRM?

O Customer Relationship Management (CRM) é um sistema empresarial que engloba diferentes informações vindas de um cliente, ainda quando este seja um lead. São dados que podem vir a contribuir com os trâmites de venda, principalmente com o relacionamento.

Podemos começar exemplificando sua funcionalidade a partir do caso de um relatório de histórico de um paciente de uma clínica de consultas médicas em uma cidade.

Quando chegamos ao local e somos consultados por um mesmo médico, ainda que seja raro, é interessante que sejamos bem atendidos pelo profissional, que vai apontar e relembrar tudo aquilo que já se passou com você, sem que haja uma recapitulação.

Ter esse tipo de atendimento, e mais, uma consulta com alguém que de fato conhece seu histórico, sabe de seu histórico médico e quais são seus problemas de saúde, é muito mais desejável.

Isso porque, nesse caso, em um escritório planejado existe a retenção das principais informações que viabilizem uma consulta positiva e melhores resultados.

Com o CRM, tudo funciona da mesma maneira. Tudo começa a partir da captação de leads, geralmente dentro de estratégias projetadas pelo marketing da empresa. 

Nesse momento, ocorre uma captação de informações a partir de formulários em landing pages. São algumas das informações:

 

  • Nome e idade;
  • Telefone;
  • Localidade;
  • Profissão;
  • Preferência por produtos;
  • Principais problemáticas.

 

Todos esses dados conseguem ser adquiridos a partir do relacionamento dentro dessas plataformas de captação, que colocam perguntas estratégicas, de modo a entender melhor o público.

A partir desse momento, existe uma verdadeira compreensão sobre pontos específicos do cliente de uma empresa de brinde personalizado para empresa e todos os trâmites posteriores com essa mesma pessoa poderão ser melhor conduzidos com esses dados.

Dessa forma, o CRM propõe, a partir de um software bem desenvolvido, não apenas a organização dessas informações, mas também um acompanhamento do processo de venda.

Isso inclui, por exemplo, todo o andamento da parte do vendedor, desde os contatos feitos com clientes, as estratégias utilizadas e até mesmo as ofertas feitas em nome da empresa. É como se de fato o sistema se transformasse em um acompanhamento em tempo real.

O mais interessante de todo esse processo é que, além da retenção de informações relevantes dentro do processo, há a potencial análise da operação, feita por gestores e líderes.

Essas e outras vantagens vão ser mostradas mais adiante, no contexto de um entendimento total de todos os benefícios que cercam o investimento neste serviço por parte da equipe de uma empresa de embalagem para comida delivery ou qualquer outra.

 

Vantagens de seu uso dentro de empresas

A seguir, conheça alguns dos motivos que fazem empresas de diferentes portes apostarem no uso do CRM, trazendo não apenas melhorias para o cliente, mas também para os processos internos, que envolvem profissionais e gestores. Confira:

 

1 – Melhor organização de tarefas

A organização de tarefas que diz respeito aos processos de venda quase sempre não acontecem. Isso porque, desde o momento de uma captação até o fim dos atendimentos aos clientes, existem inúmeros passos, todos sendo executados com rapidez.

Porém, a partir da introdução de um CRM em uma pequena empresa de fachada para comércio, toda e qualquer ação dos colaboradores passa a ser vinculada ao sistema.

Isso permite não apenas uma noção do andamento dos trabalhos de venda de produtos e serviços, mas também facilita o repasse de tarefas, no caso, de um profissional para o outro, o que é bem comum em equipes que trabalham com turnos diferentes.

 

2 – Acompanhamento de performance

Ainda em meio ao acompanhamento dos trabalhos das equipes de venda, o CRM consegue apontar alguns dados importantes para a compreensão sobre o desempenho individual a partir da sinalização, por exemplo, de estratégias utilizadas ou não pelos profissionais.

É o caso de uma série de estratégias baseadas em tipos de vendas diferentes, que podem ter tempos de fechamento de contratos distintos em uma loja de painel backlight.

Isso acaba auxiliando a equipe a visualizar aquela ação dentro da empresa que melhor se destacou, e passa então a trazer informações relevantes que conseguem apontar uma mudança de estratégia generalizada, com todos os membros de uma equipe.

 

3 – Melhores informações sobre o cliente

Como dito anteriormente, o CRM consegue reter e organizar as informações referentes a clientes, entregando maior entendimento e viabilizando um atendimento muito mais interessante, prático e voltado aos interesses individuais de um comprador.

Isso acaba por trazer maior facilidade ao trabalhar um convencimento de compra de bloco de pedido, uma vez que explora as condições que melhor se encaixam dentro da realidade dele.

Essa percepção pode ser percebida, inclusive, pelo próprio cliente, que se sente muito mais satisfeito ao longo do atendimento, compreendendo que o negócio consegue entendê-lo melhor e direcionar a ele uma consultoria ao invés de uma venda.

 

4 – Diminuição do processo de compra

O processo de compra dentro da empresa passa a ser bem menor com a viabilização de um CRM. Isso porque as estratégias se tornam muito bem formadas, além de analisadas, o que traz muito mais firmeza para os resultados que o negócio conquista.

Ter a noção do que dá certo em uma ação de venda pode ajudar e muito as equipes, trazendo mais oportunidades de venda com o cliente e evitando estratégias que não façam sentido ou que podem não trazer nenhum ou poucos resultados.

 

5 – Integração com outros sistemas

Uma grande vantagem do CRM é que ele pode ser integrado com outros sistemas, tal como captação de informação de leads e acompanhamentos financeiros.

Até os programas de análise de ações feitas por profissionais, de modo a serem acompanhados pelos gestores da área.

Isso tudo acaba trazendo muito mais chances de utilização de resultados em outras frentes da empresa, tão importantes quanto as que permitem relacionamento com os clientes. 

 

As melhores opções para pequenas empresas

Para negócios menores, onde geralmente o investimento deve ser pensado com cuidado, de maneira a trazer bons resultados mas sem exceder os valores que são destinados à compra de um CRM, alguns cuidados devem ser vistos como prioridades.

O primeiro deles é a interface e organização do programa dentro do negócio, de modo a apresentar com muito mais facilidade todas as informações necessárias para as equipes.

Por conta de processos mais enxutos, empresas de pequeno porte precisam estar atentas às mais diferentes áreas e estratégias, e um sistema CRM que consegue trazer informações organizadas nos métodos e processos menores, e sai muito mais em conta.

Além disso, é essencial viabilizar um contrato em que haja um suporte disponível a todo o tempo para as equipes, o que vai valer a pena mais à frente, caso haja algum problema.

Nesse contexto de suporte, muitas vezes existe a condição de treinamento de uso do sistema, o que pode vir a ser interessante, poupando tempo e trazendo as melhores formas de uso desse investimento, sem que atrapalhe tanto o trabalho diário.

 

Considerações finais 

O CRM é um dos principais sistemas dentro das empresas mais rentáveis nos dias de hoje. Isso porque, em uma mistura de atendimento, processo de vendas e análise de resultados, consegue viabilizar o melhor caminho possível para o sucesso de um negócio.

Sua escolha deve ser baseada a partir das principais necessidades das equipes, mas, sobretudo em casos de empresas de pequeno porte, é preciso escolher bem pontos que vão valer à pena dentro desse investimento, que quase sempre é alto.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Auris

Por: Auris Ideias Digitais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

INCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

E receba por email novos conteúdos sobre Marketing Digital e Vendas

Comments are closed.

Últimos Artigos e Notícias

Shopping Basket

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência no nosso site.