INCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

E receba por email novos conteúdos sobre Marketing Digital e Vendas

Orçamento de marketing para 2022: Veja por onde começar!

O orçamento de marketing leva em conta o que a empresa precisa fazer para conquistar espaço no mercado e o quanto ela pode investir nesse sentido.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo CMO Spend Survey da Gartner, as ações do mundo todo reservam 11,2% de sua receita para investir em marketing.

 

Outro estudo feito pelo Digital Marketing Readiness da McKinsey, mostrou que existem empresas que destinam 50% do investimento total em marketing para as estratégias da internet.

 

Quando falamos em marketing digital, o que faz a diferença não é o quanto você pode investir, mas o planejamento envolvido no processo. A falta de planejamento prejudica o orçamento e os resultados.

 

Por essa razão, mesmo quando o período de crise afeta a empresa, se ela souber planejar suas estratégias e tiver um orçamento definido, não precisa se preocupar, pois vai colher bons resultados da mesma forma.

 

O que importa é fazer uma distribuição da verba de maneira estratégica, além de direcionar as ações para o público certo.

 

Neste artigo, vamos explicar a importância de pensar no orçamento de marketing no início do ano, como desenvolver esse orçamento e por onde começar. 

 

Importância do orçamento de marketing

Todo gestor de marketing precisa planejar quanto, como e onde a verba será investida nas estratégias de divulgação da marca, seus produtos e serviços.

Durante o planejamento, é muito importante estudar o mercado e todos os seus componentes, como:

 

  • Concorrentes;
  • Clientes;
  • Fornecedores;
  • Parceiros.

 

Seja para definir o slogan de um balcão promocional ou para planejar as publicações das redes sociais, a companhia também deve definir seus objetivos e metas, conhecer seu público-alvo, entre outras etapas importantes.

 

Isso evita gastos desnecessários com campanhas que não trazem os resultados esperados. O orçamento logo no início do ano também permite planejar as vendas, consequentemente, é capaz de aumentar a rentabilidade do negócio.

 

O orçamento deve ser visto como uma oportunidade de identificar gargalos que precisam de ajustes. A companhia passa a utilizar seu budget de maneira mais estratégica, e assim melhorar as vendas ao longo de todo o ano.

 

Aproveitar o mês de janeiro para fazer esse orçamento também é uma forma de compreender o que funciona para a realidade de uma empresa.

 

Saber o que os concorrentes estão fazendo, como se comunicam e seu comportamento no mercado são fatores de peso para as estratégias de marketing.

 

Entretanto, isso não significa que o que está dando certo para uma marca também vai dar certo para outra. 

 

Tanto é que é possível variar a estratégia em muitos sentidos, e é por meio do orçamento que o gestor vai ponderar o que vale ou não a pena investir.

 

O orçamento feito no início do ano mostra com clareza como e onde investir e o tempo necessário para que a marca alcance seus objetivos.

 

Mas, para chegar a essa conclusão, ao analisar a verba, uma confecção de roupas femininas precisa considerar suas necessidades, dificuldades e objeções. 

 

Com isso, fica mais fácil adequar o investimento ao plano de marketing durante o ano todo.

 

Por fim, o orçamento em janeiro define de que maneira o dinheiro será distribuído para as estratégias de marketing. Muitas organizações preferem gestões rígidas que mostram detalhadamente o consumo.

 

Em vista disso, o orçamento pode ser considerado como um documento de controle de verba, em que é possível acompanhar como o dinheiro está sendo empregado em cada estratégia ou campanha.

 

A empresa consegue mensurar melhor o retorno sobre os investimentos de suas ações e melhorá-lo ao longo do ano.

 

Como desenvolver um orçamento de marketing?

O orçamento de marketing vai dar uma ideia de como será o planejamento desse setor e o investimento é necessário. 

 

Para desenvolvê-lo do jeito certo existem algumas práticas fundamentais, que são:

 

Fazer o sumário executivo

O orçamento deve começar pelo sumário executivo que serve para resumir todo o plano de marketing da corporação.

 

Para criá-lo, o gestor de uma empresa de arquitetura precisa ter em mente a situação atual da companhia, independentemente da fase em que ela se encontra.

 

A partir disso, ele deve organizar, por meio de textos utópicos, as principais características do negócio e seus objetivos. Também é importante mencionar com o que a empresa deseja mudar em médio e longo prazo.

 

O sumário executivo precisa conter o tempo de atividade comercial, ou seja, há quanto tempo a organização atua no negócio. Deve incluir também a localização, os produtos e serviços que oferece e o diferencial da marca.

 

Não se esqueça de incluir as dificuldades encontradas, principalmente em relação aos concorrentes, e o objetivo geral da empresa.

 

Analisar o ano anterior

Depois de criar o sumário, chegou o momento de olhar para os resultados obtidos no ano passado e verificar o que funcionou e o que não rendeu bons resultados.

 

Essa análise depende do cálculo de várias métricas, que ajudam a medir a eficiência das ações e campanhas do ano anterior.

 

Outras despesas, como reforma de lojas comerciais e os gastos fixos devem ficar de fora. Métricas como retorno sobre os investimentos (ROI), custo por lead, custo por aquisição e taxa de conversão devem falar apenas sobre as estratégias de marketing.

 

Aliás, o valor delas deve abranger o marketing em geral, incluindo campanhas e estratégias dentro e fora da internet. 

 

Dessa forma, a marca consegue entender componentes que estejam acima ou abaixo da média.

 

Definir o público-alvo

O público-alvo diz respeito a um grupo de pessoas que podem se tornar clientes, visto que se interessam pelas soluções oferecidas.

 

Quando o público é definido corretamente, a corporação consegue definir as estratégias de marketing mas assertivas e que estejam de acordo com os interesses dessas pessoas.

 

Dentro do público-alvo, uma empresa de escritórios compartilhados consegue definir sua persona, um personagem semi fictício que representa o cliente ideal.

 

Porém, reúne características mais detalhadas, como dados geográficos, idade, gênero, formação, profissão, estado civil, objetivos, estilo de vida, redes sociais e utilizadas, dentre outros.

 

Definir um objetivo para o orçamento

O orçamento de marketing precisa ter um propósito, ou seja, deve ter um objetivo claro. 

 

Para criar ice foco, é necessário ser o mais específico possível, mas sempre se apoiando em dados mensuráveis e comprovados.

 

É dessa forma que uma empresa de pin personalizado descobre, no fim do ano, se conseguiu ou não alcançar seus objetivos.

 

O propósito precisa ser realista para o orçamento de marketing, nesse sentido, o gestor deve analisar a média entre o resultado que já foi alcançado e aquilo que se pretende alcançar.

 

Por exemplo, se o objetivo é aumentar as vendas da empresa e no ano que passou, ela conseguiu crescer 5%, se a porcentagem ideal de crescimento for em torno de 25%, uma boa meta seria crescer 15% este ano.

 

Estabelecer as principais ações

Para saber quais serão as ferramentas utilizadas em 2022, a primeira coisa a se fazer é eliminar tudo aquilo que não trouxe resultado no ano passado ou que não funcionou como o esperado.

 

Com base nisso, uma empresa de brindes personalizados deve fazer uma pesquisa para conhecer outras ferramentas e maneiras de aumentar seus lucros com marketing.

 

Definir os canais e estratégias

Depois de descobrir as ferramentas de marketing mais importantes para o negócio ao longo do ano, chegou o momento de formular o orçamento, de acordo com um bom planejamento.

 

O primeiro passo é decidir em qual tipo de marketing a empresa quer investir mais nos próximos meses, como no caso das estratégias Inbound ou Outbound. Em outras palavras, qual delas terá destaque este ano.

 

Para determinar essa informação, é necessário levar em conta algumas informações, tais como o custo e o retorno desses canais, pois isso ajuda a definir quais deles vão representar a companhia.

 

Depois disso, uma empresa de brindes promocionais vai determinar quais estratégias serão implementadas e a verba total destinada a cada uma delas.

 

Em seguida, defina datas de avaliações, como a cada 3 ou 6 meses, para medir os investimentos, saber quais são os resultados e cancelar aqueles que não trazem retornos.

 

Lembre-se de que não é bom investir o valor total, ou seja, reserve uma quantia do dinheiro para os imprevistos e para as manobras necessárias ao longo do ano.

 

A empresa faz uma reserva financeira para o marketing, o que ajuda a minimizar os erros e outros problemas com as estratégias.

 

Conclusão

Portanto, o orçamento de marketing traz mais segurança para o investimento que a marca pretende fazer nesse setor.

 

Sem as estratégias de divulgação fica muito difícil alcançar o público, mas esse trabalho precisa de um orçamento controlado e bem planejado. 

 

Fazer isso logo no começo do ano é garantir bons resultados com essas ações e otimização do investimento.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Auris

Por: Auris Ideias Digitais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

INCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

E receba por email novos conteúdos sobre Marketing Digital e Vendas

Comments are closed.

Últimos Artigos e Notícias

Shopping Basket

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência no nosso site.