Captura de tela 2021-08-25 090402

Como fazer marketing para startups sem gastar muito

O marketing digital é fundamental para se posicionar no mercado atual com qualidade, e no marketing para startups não é diferente.

Quando o assunto é trabalhar com tecnologia, as empresas relevantes são aquelas que unem o discurso inovador à prática.

Isso quer dizer que startups de peso precisam investir em métodos de divulgação que façam jus à inovação que elas promovem continuamente.

Não há conceito mais promissor na esfera da divulgação de negócios do que o marketing digital.

A grande variedade de oportunidades e canais de comunicação pode ser um desafio nos primeiros momentos.

No entanto, com análise e estudo é possível desenvolver estratégias inteligentes para várias empresas, como empresas de portaria e controlador de acesso.

Vamos falar mais sobre os benefícios do marketing digital para startups e dicas para aplicá-lo sem gastar muito no texto a seguir, confira.

Por que realizar investimentos em marketing digital?

As empresas startups estão inseridas em uma realidade totalmente nova. Por isso, a competitividade é alta e as oportunidades para se destacar precisam ser criadas.

Não importa o ramo de atuação, seja um despachante virtual ou uma empresa de locação de imóveis, o uso de estratégias virtuais para promover o serviço ou produto agrega alto valor.

Portanto, leia os tópicos a seguir para conhecer os benefícios do marketing digital para startups.

Mais resultados com menos despesas

Foi-se o tempo em que uma empresa precisava investir em meios de comunicação de massa para conseguir reconhecimento.

Emplacar uma propaganda no horário nobre da televisão ou anunciar em um outdoor de destaque na cidade demanda um investimento bem alto, que uma startup iniciante muitas vezes não consegue arcar.

O marketing digital democratiza os meios de divulgação. Uma oficina pode, por exemplo, investi em vários canais para divulgar que tem especialidade em fazer vistoria veicular em campinas gastando menos. 

Alguns exemplos:

  • Anúncios digitais;
  • Redes sociais;
  • Campanhas de e-mail marketing;
  • Marketing de conteúdo.

Esses e outros canais não exigem grandes quantias para começar a dar resultados.

Criação da consciência de marca

Uma startup que está começando a trajetória no mercado tem que marcar presença na vida do público para passar a ser notada.

As redes sociais são ótimas ferramentas para entrar em contato com as pessoas diretamente.

Essas plataformas estão entre os meios de comunicação interpessoal mais usados em todo o mundo. Por esse motivo, as estratégias estão cada vez mais específicas para um nicho do mercado. 

É muito importante que as empresas passem uma mensagem além da venda puramente dita. Uma loja de meias para ciclistas, por exemplo, tem que investir em conteúdos voltados para os direitos desse grupo e meio ambiente, por que isso humaniza a marca e a aproxima do seu público. 

Alcance mais segmentado

Se a internet não se iguala aos métodos tradicionais do marketing, por outro lado ela permite um alcance mais específico.

As ferramentas de programação de anúncios virtuais, por exemplo, dão meios para que a empresa possa identificar várias características da base de contatos.

Tendo dados como nome, localização e interesses em mãos, você pode pensar em anúncios muito mais certeiros para uma empresa desentupidora pinheiros.

Resultados mensuráveis

Por vezes as campanhas de marketing digital irão funcionar na base da tentativa e erro.

Um primeiro anúncio pode não conquistar muitos cliques ou os posts no blog podem ter um alcance limitado.

Felizmente, as ferramentas de marketing digital tem uma série de funcionalidades para que o usuário acompanhe de perto o impacto de cada estratégia.

Esse é um aspecto muito importante porque permite que as equipes façam alterações nas campanhas quando for necessário.

Por exemplo, se os anúncios de Stopper pdv estão tendo bastante visualizações, mas não se traduzem em conversões, é possível mudar o texto no meio da campanha.

Estratégias de marketing digital para startups: 6 dicas

O marketing digital presume planejamento. Essa é uma verdade para toda e qualquer empresa que pretende entrar nesse mundo.

Em primeiro lugar, é necessário desenvolver um plano de marketing focado em três etapas principais: planejamento, execução e mensuração.

O planejamento consiste em definir quais serão as ações e as tarefas de cada colaborador.

A execução é a fase em que as ações discutidas previamente são colocadas em prática, com o acompanhamento do gestor.

Por fim, os resultados de cada estratégia precisam ser mensurados para identificar se ela compensou o investimento feito ou não.

Dito isso, continue lendo para conhecer 6 dicas de como fazer marketing digital para startups de acordo com as três etapas detalhadas acima.

Defina objetivos

A equipe de uma empresa especializada em areia de quartzo para filtro,por exemplo,  tem que ter clareza sobre as intenções das estratégias de marketing digital.

Se o objetivo é aumentar o número de clientes ou alcançar um perfil novo de consumidores, as ações devem se desenrolar de acordo com isso.

O meio digital é mais veloz do que outros meios de comunicação. As prioridades das startups podem mudar à medida que as tendências mudam.

Por isso, é importante ficar sempre a par do que está acontecendo nas redes para trabalhar em um posicionamento harmonioso com os desejos da base de clientes.

Conheça sua persona

A persona é um conceito popular no marketing digital. É uma evolução mais específica do conceito de público-alvo.

Ela usa características mais pessoais do cliente para traçar um perfil exato dele, como desejos, hobbies, idade e profissão.

A ideia é conhecer os detalhes de cada pessoa para poder personalizar o atendimento com propriedade.

É sempre bom lembrar que toda e qualquer empresa deve ter como princípio a resolução de algum problema.

Conhecendo a persona do seu negócio você pode identificar melhor os problemas que afligem as pessoas e, assim, fazer o melhor para resolvê-los. 

Publique conteúdo de impacto

Quem pesquisa por “locação de impressoras multifuncionais sp” não quer saber só sobre locação de impressoras, mas também informações mais detalhadas sobre ela.

Uma startup no começo da carreira deve publicar conteúdo relevante para criar uma relação com as pessoas.

Os usuários da web veem com bons olhos os empreendimentos que proporcionam informações instrutivas e gratuitas no dia a dia.

É uma maneira relativamente simples e barata de marcar presença no cotidiano de cada um e incentivá-los a considerar comprar produtos.

Felizmente a internet possui vários canais adequados para a produção e a divulgação de conteúdo, como:

  • Blogs;
  • Sites;
  • Redes sociais;
  • YouTube.

Não se esqueça de se inteirar sobre as estratégias de SEO para produzir conteúdo com bom rankeamento no Google.

Use as redes sociais

As redes sociais são instrumentos extremamente úteis para a criação de um relacionamento mais próximo entre a marca e o consumidor.

Sites como Twitter e Facebook priorizam as interações dinâmicas e devem ser integrados às campanhas de marketing digital.

O primeiro passo é identificar quais redes as suas personas mais usam. Assim, é possível investir em sites que realmente vão dar retorno a curto e médio prazo, em vez de apostar em redes que não serão proveitosas para a startup.

Depois, é interessante contratar uma equipe de mídias sociais para ficar inteiramente responsável pelo gerenciamento dessas redes.

O gerenciamento inclui planejamento do tipo de conteúdo que vai ser postado e acompanhamento dos níveis de engajamento.

Publique conteúdo que desperte o interesse de quem te segue e sempre responda aos comentários ou compartilhamentos.

Automatize os processos

A jornada de trabalho diária em uma startup é, em geral, bastante atribulada. É primordial agilizar os processos manuais para aumentar a produtividade da equipe.

Existem várias ferramentas próprias para automatizar processos como disparo de e-mails, postagens em redes sociais, geração de leads, mensuração de resultados e testes A/B, por exemplo.

Esses e outros procedimentos semelhantes são muito beneficiados pela automatização, pois o padrão de qualidade aumenta e o risco de erros humanos cai.

Além disso, os funcionários ganham mais tempo para se dedicar a etapas mais específicas do trabalho.

Sendo assim, as energias se voltam para ações mais importantes e os resultados se tornam ainda mais notáveis.

Faça a mensuração de resultados

Por último, indicamos uma dica essencial: mensure os resultados de cada campanha continuamente.

Anúncios virtuais, newsletters e postagens em blogs e redes sociais devem ter seu desempenho averiguado sempre que possível.

Para fazer isso, escolha quais serão as métricas analisadas, alguns exemplos são taxa de cliques, número de leads gerados por mês, faturamento mensal, taxa de conversão e taxa de abertura de e-mails.

A mensuração é importante para garantir que as estratégias estão sendo desenvolvidas e executadas da melhor forma possível.

No caso de falhas e erros de qualquer tipo, as equipes podem fazer as correções necessárias sem ter prejuízos.

Considerações finais

Portanto, ficou claro que o marketing digital representa uma série de novas oportunidades para empresas em ascensão, como é o caso de muitas startups brasileiras.

Inovar é melhorar a vida dos clientes com soluções cada vez mais eficazes e atrativas. A inovação começa já no primeiro atendimento e deve ser a palavra de ordem até as estratégias de pós-venda.

O marketing digital pode ser um grande auxílio em todas essas áreas das vendas online.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.