INCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

E receba por email novos conteúdos sobre Marketing Digital e Vendas

Vale a pena investir em Co-branding para a Black Friday de 2021?

O Co-branding é uma estratégia que vem sendo muito utilizada pelas empresas para lidar melhor com a competitividade do mercado.

Independente de qual seja o seu segmento, a concorrência é muito grande, e com o advento da internet, muita coisa mudou. 

Sendo assim, acessar a web ficou muito mais fácil e rápido depois da chegada do smartphone.

Unindo todos esses elementos, o que vemos é uma grande quantidade de empresas que disputam a atenção dos consumidores, mas assim como elas disputam entre si, também podem se unir para superar os obstáculos.

O marketing digital oferece diversos recursos e estratégias que permitem às marcas alcançar seus objetivos e bons resultados. 

Sempre haverá uma empresa que pode ser parceira da sua nas estratégias de marketing, mas você precisa saber como fazer isso.

Uma das ações mais eficientes nesse sentido é o Co-branding, mas se você não sabe como ele funciona, não se preocupe, pois neste artigo, vamos esclarecer todas as dúvidas.

Vamos explicar o seu conceito, por que vale a pena investir nele durante a Black Friday e quais são os impactos positivos dessa estratégia para as organizações.

 

Entendendo o contexto de Co-branding

Imagine que duas empresas perceberam que seria muito benéfico se unir e formar uma parceria, a partir disso, elas colocam em prática o que chamamos de Co-branding.

O objetivo dessa estratégia é lançar um produto ou serviço que destaque as duas marcas envolvidas. 

Apesar de poucas pessoas conhecerem essa prática por nome, ela vem sendo usada há muito tempo.

Marcas famosas, inclusive, se unem com muita frequência para lançar novidades no mercado. São empresas que se complementam, como no caso de uma especializada em avaliação patrimonial e uma imobiliária.

Outro exemplo que vemos constantemente é a parceria entre estúdios cinematográficos e a indústria alimentícia. 

Por exemplo, um fabricante de iogurte com rótulos cheios de personagens de desenhos infantis.

Todavia, o Co-branding não é destinado, apenas, às grandes empresas, mas também aos pequenos negócios. 

Além disso, também é possível firmar uma parceria entre uma multinacional e um negócio que acabou de se lançar no mercado.

Para funcionar, é muito importante que você tenha imaginação e pense em todas as formas existentes para unir a sua marca com a outra. E em época de Black Friday, essa estratégia pode impulsionar consideravelmente as vendas.

 

Benefícios do Co-branding durante a Black Friday

O período da Black Friday é uma das maiores oportunidades que as empresas têm de aumentar as vendas. Por essa razão, elas investem em diferentes formas de se destacar.

Sendo aí que entre essas práticas está o Co-branding, e durante as épocas sazonais ele permite que o público compreenda o valor das empresas envolvidas. 

Essa parceria fortalece os dois lados e posiciona os envolvidos como líderes de seu segmento.

O consumidor moderno precisa confiar nas empresas antes de comprar com elas. Se o seu negócio consegue firmar uma parceria com uma organização bem-vista no mercado, como uma empresa de programa para gestão financeira, a credibilidade dela também será sua.

Isso é muito importante para transmitir uma imagem de confiança em uma época em que as pessoas estão em busca de compras vantajosas.

As organizações fazem inúmeras promoções para atrair o consumidor, mas as pessoas podem duvidar da idoneidade de boa parte delas. 

Por outro lado, quando duas empresas trabalham juntas, reforçam a confiança do cliente.

A partir disso, seu negócio será visto como algo forte e confiável, além de estar constantemente preocupado em entregar valor para os consumidores.

Sendo dessa forma, podemos dizer que o Co-branding é uma carta na manga para quem quer se diferenciar nessa época do ano e expandir o número de vendas.

Entretanto, as vantagens dessa prática não se limitam apenas ao período da Black Friday, pelo contrário, uma empresa de comunicação visual pode se beneficiar dela durante toda a existência da parceria.

 

Impactos positivos do Co-branding

Se você pesquisar a fundo todas as possibilidades de fazer marketing, vai descobrir que existem muitas estratégias que prometem trazer resultados impressionantes. 

No entanto, a verdade é que poucas, como o Co-branding, podem trazer benefícios como:

Mais abrangência para o seu negócio

Uma das principais vantagens do Co-branding é justamente a popularização da marca, visto que todas as envolvidas circulam mais rapidamente entre os meios de comunicação.

No entanto, para chegar a esse nível, é fundamental elaborar uma boa estratégia de marketing digital, com foco no público-alvo das organizações que estão trabalhando juntas.

Essas ações precisam assumir diferentes formatos e estar presentes em vários canais, mas lembre-se de que onde sua marca estiver a outra também precisa estar.

 

Avoluma a credibilidade da empresa

No que diz respeito aos estabelecimentos físicos, é muito importante cuidar da aparência deles, utilizando diferentes recursos, como totem fachada. Mas, esses recursos precisam se estender aos consumidores para atraí-los.

Portanto, é dessa forma que geramos credibilidade e fazemos uma divulgação mais ampla. O Co-branding é uma estratégia que consegue expandir a sua marca para diferentes lugares.

Quando o cliente vê que o seu negócio está ao lado de uma marca de confiança, automaticamente ele atribui a credibilidade dela para a sua empresa. Sem essa parceria, o processo seria muito mais lento e difícil.

 

Aumento dos recursos financeiros para o marketing

Toda e qualquer ação de divulgação depende de um bom investimento de tempo e recursos financeiros, desde a elaboração de uma boa fachada de loja, até estratégias como:

 

  • Anúncios nas redes sociais;
  • Produção de conteúdo;
  • E-mail marketing;
  • Propagandas no rádio.

 

Todavia, a partir do momento em que você investe em Co-branding, passa a dividir os custos de suas campanhas com outra empresa. 

Além de ser uma colaboração econômica, ela traz bons resultados. Mesmo que a sua parceria dure apenas na época da Black Friday, o produto vai permanecer no mercado por muito tempo.

Para garantir o sucesso dessa prática, é fundamental que você saiba como escolher o seu parceiro, pois ele será determinante para o sucesso da estratégia e a construção da sua marca.

 

Como conquistar uma boa parceria para o Co-branding?

Para que essa parceria dê certo, ambas as empresas precisam estar interessadas, como no caso de uma assessoria contábil e uma desenvolvedora de software para contabilidade.

Elas precisam se reunir para tomar decisões em conjunto, o que permite criar e explorar oportunidades de vendas e conversões.

Para fazer uma venda bem-sucedida, é necessário estar atento a alguns detalhes, o que envolve atrair a atenção do público, cativar as pessoas e a partir disso oferecer seus produtos e serviços.

Ademais, as duas empresas precisam sincronizar suas técnicas de vendas e testá-las para que sirvam tanto para uma quanto para outra.

Durante o período em que o seu negócio e o parceiro estiverem elaborando as estratégias de co-marketing, é muito importante considerar as características do público-alvo das duas organizações.

Isso porque os clientes de uma empresa de escritório compartilhado coworking precisam ser compatíveis com os clientes de seu parceiro.

Quando os públicos são conflitantes, as organizações correm o risco de ter sua parceria severamente criticada pelos consumidores.

Isso seria muito ruim para as marcas, principalmente, em uma época do ano onde se espera um aumento considerável das vendas. 

O ideal é comparar as personas dos negócios para saber se elas possuem características em comum.

Portanto, nunca é demais dizer que escolher um parceiro muito diferente do seu segmento pode prejudicar os investimentos. 

Por exemplo, não faria sentido a parceria entre um salão de beleza em uma loja de autopeças.

Em outras palavras, uma empresa de sala comercial para alugar deve firmar parcerias com marcas que possam acompanhar o seu ritmo e que ofereçam soluções complementares.

Além disso, procure parceiros capazes de atender ao aumento da demanda, pois se o seu produto começar a vender mais, o dele também vai ter um giro maior.

Em principal, na época de Black Friday, se uma das empresas não puder arcar com o aumento da demanda, a imagem das duas pode ser prejudicada.

Assim sendo, para evitar qualquer tipo de problema, faça um estudo profundo dos candidatos e identifique quais deles podem trazer um ganho considerável para suas estratégias de Co-branding.

 

Conclusão

Em resumo, o marketing traz várias possibilidades para os negócios e em épocas como a Black Friday, é importante diversificar as suas práticas.

O Co-branding pode ajudar a construir a imagem da sua empresa em parceria com outra, terá mais credibilidade perante os consumidores, o que vai te ajudar a alcançar bons resultados em época de aumento nas vendas.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Auris

Por: Auris Ideias Digitais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

INCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

E receba por email novos conteúdos sobre Marketing Digital e Vendas

Comments are closed.

Últimos Artigos e Notícias

Shopping Basket

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência no nosso site.